Forum Brasi-Índia

Brasil e Índia anunciaram 15 acordos bilaterais durante a missão presidencial a Índia, realizada entre 25 e 28 de janeiro desse ano, demostrando que a “química” entre o Presidente Jair Bolsonaro e o Primeiro-Ministro indiano Narendra Modi foi excelente. Entre os 70 representantes de entidades e empresários presentes na comitiva brasileira, organizada pela Agência Brasileira de Promoção da Exportação e Investimentos (APEX) e Ministério das Relações Internacionais (MRE), estava Ernani Pohren – CEO da Química Carioca representando o setor de produtos químicos do Brasil.

Acordos Bilaterais

Dentre os 15 acordos assinados na missão presidencial, destacam-se dois, o primeiro, que é o acordo de cooperação e facilitação de investimentos (ACFI), que tem como objetivo dar maior segurança jurídica e incentivar investimentos entre os dois países. O investidor estrangeiro passará a ter um “ombudsman” na Camex, a quem poderá recorrer para prevenir conflitos ou mediar disputas. E, o investidor brasileiro, terá mecanismo semelhante na Índia. Já o segundo destaque, é o acordo de cooperação de bioenergia, que tem como objetivo aumentar a produção e o uso de etanol no mercado indiano. O governo indiano passará a exigir uma mistura de 10% nos combustíveis a partir de 2022 e 20% a partir de 2030. Além desses, foram assinados acordos para cooperação em investigações criminais, intercâmbio cultural, exploração de óleo e gás, de recursos minerais, segurança cibernética, previdência e intercâmbio genético de gado bovino leiteiro, de parceria entre a Apex e a Invest-Índia. Participaram do evento, os ministros de Minas e Energia, Bento Albuquerque, Agricultura, Teresa Cristina; Relações Exteriores, Ernesto Araújo, Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, além do deputado estadual Eduardo Bolsonaro, filho do presidente.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square